• 2003

    A chegada a Portugal

    Depois de Espanha, a Master D chega a Portugal.

     

     

  • 2003-2007

    A expansão para a capital

    Inicialmente, a Master D abriu um pequeno centro formativo na cidade do Porto. Nos dois primeiros anos matricularam-se cerca de 520 formandos, com apenas 3 cursos de formação. Em 2005 com abertura de novos cursos expandiu-se para Lisboa e em 2006 e 2007 matriculou cerca de 2900 formandos.

     

  • 2008

    Uma empresa certificada

    Em 2008 a Master D Portugal atingiu o seu auge, duplicando o número de vendas do ano anterior, cerca de 3220 matrículas. O curso de Energias Renováveis teve um peso bastante significativo no volume total das vendas. Em Julho desse ano inaugurou um segundo centro formativo em Lisboa.

    A Master D Portugal consegue as certificações da DGERT, APCER e IQNET.

  • 2009-2011

    A crise económica

    Em 2009, a Master D Portugal teve uma descida bastante significativa a nível do número de vendas e da rentabilidade face ao orçamento. No entanto, no mês de Novembro abre as portas do novo centro formativo na cidade do Porto. A partir de 2010 começou novamente a recuperar.

     

  • 2012-2016

    O crescimento é uma realidade

    Entre 2012 e 2013 a Master D inaugurou mais 3 centros formativos: Faro, Coimbra e Lisboa. Em 2016, abre um novo centro na cidade do Porto reunindo todas as áreas de formação.

     

  • 2017-2019

    A significativa recuperação

    Em 2017, a Master D fundiu os dois centros formativos de Lisboa e a central num só espaço. Foi um ano difícil, dada a conjuntura económica. Contudo, em 2018, a Master D conseguiu recuperar alcançando cerca de 2 milhões e 450 mil€.



Delegacion MasterD